As assimetrias regionais na construção da Sociedade da Informação em Portugal

Luís Miguel Ferreira, Luís Amaral

Resumo


São notórias as assimetrias regionais existentes na construção da Sociedade da Informação no panorama internacional. Vários estudos e organismos internacionais publicam informação estatística e análises que apontam para um atraso significativo dos países em vias de desenvolvimento em relação aos países desenvolvidos, por exemplo. Por outro lado, Portugal, considerado com um todo, apresenta algum atraso em relação à linha da frente dos países mais avançados, quer no contexto internacional quer mesmo no contexto europeu. São também evidentes as assimetrias regionais existente no nosso país em várias áreas do desenvolvimento, sendo que o Índice Digital Regional (IDR) publicado entre 2012 e 2015, continua a confirmar a existência de severas assimetrias regionais, em Portugal, em termos de construção da Sociedade da Informação. A região de Lisboa é mesmo a única que continua a posicionar-se à frente da média apurada para Portugal.


Texto Completo:

PDF

Referências


Ferreira, L. M., Amaral, L., (2016). Índice Digital Regional 2015. Gávea Laboratório de Estudo e Desenvolvimento da Sociedade da Informação. Universidade do Minho, Guimarães. http://hdl.handle.net/1822/42161

Ferreira, L. M., Amaral, L., (2015). A Sociedade da Informação nas regiões portuguesas: medir para desenvolver. Chiado Editora. ISBN: 978-989-51-4733-5.

Ferreira, L. M., Amaral, L., (2014). Índice Digital Regional 2013. Gávea – Laboratório de Estudo e Desenvolvimento da Sociedade da Informação. Universidade do Minho, Guimarães. http://hdl.handle.net/1822/34380

Ferreira, L. M. (2014). Medir a sociedade da informação no contexto regional: um novo instrumento e a sua aplicação à situação atual. Tese de Doutoramento. Departamento de Sistemas de Informação, Escola de Engenhariam Universidade do Minho. http://hdl.handle.net/1822/33363

Gaul, F., Messinger, H. (2002). Measuring the networked economy. Canadian National Statistics Council, Canadá.

ITU, UNCTAD (2007). World Information Society Report: Beyond WSIS, Genebra.

ITU (2015). ITU ICT Facts and Figures – The world in 2015. International Telecommunication Union.

Santos, M. M. (2013). O Impacto económico dos fundos comunitários no processo de convergência em Portugal. Dissertação de Mestrado em Finanças Empresariais apresentada à ESTG - Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Leiria. http://hdl.handle.net/10400.8/1113

Silva, J. F., Ribeiro, J. C. (2013). As Assimetrias Regionais em Portugal: análise da convergência versus divergência ao nível dos municípios. Núcleo de Investigação em políticas económicas. NIPE - WP 13/2013. Universidade do Minho. http://www.nipe.eeg.uminho.pt/Uploads/WP_2013/NIPE_WP_13_2013.pdf

Vehovar, V., Sicherl, et al. (2006). Methodological Challenges of Digital Divide Mesurements. The Information Society 22: 279-290.




DOI: http://dx.doi.org/10.18803/capsi.v16.361-381

Apontamentos

  • Não há apontamentos.