Testes de software no âmbito da certificação de aplicações de e-commerce

Raquel Gaio, Nuno Lopes, João Carlos Silva

Resumo


O principal objetivo deste artigo consiste em propor uma abordagem para a certificação de aplicações de e-commerce, considerando várias normas de certificação. Pretende-se assim apresentar uma revisão de literatura bem como propor uma abordagem para o âmbito da certificação de aplicações de e commerce fazendo uso da automatização de testes de software. Pretende-se apresentar as normas e os respetivos requisitos de qualidade e discutir a respetiva aplicação no âmbito de aplicações de e-commerce. Com a implementação da abordagem descrita neste artigo espera-se que a inclusão de processos automáticos nos testes permita certificar as aplicações de e-commerce. Como resultado, pretende-se um modelo automático de testes de aplicações de e-commerce, permitindo avaliar a qualidade das aplicações com base nas normas de certificação.


Texto Completo:

PDF

Referências


António Miguel, P. (2006). Gestão de Projetos de Software. FCA - Editora Informática, Ed. Bartié, A. (2002). Garantia da qualidade de software. CAMPUS - RJ, 2002.

Crespo, A.N.; Silva, O. J.; Borges, C. A.; Salviano, C. F., Argolo, M. T. Jino, M. (2004). “Uma metodologia para Teste de Software no contexto da Melhoria de Processo”, III Simpósio Brasileiro de Qualidade de Software (SBQS), Brasília.

Dasso, A., e Funes, A. (2007). Verification, validation and testing in software engineering. Idea Group.

ISTQB (2011). Programa de Certificaçãode Testador (Tester) de Níve lFoundation.

Janice Reynolds (2004). The Complete E-Commerce Book: Design, Build & Maintain a Successful Web-based Business Paperback.

Juniper Research (2016). “Mobile & Online Purchases: Cards, Carrier Billing and Third Party Payment Platforms 2015- 2020”. http://www.acepi.pt/artigoDetalhe.php?idArtigo=91721. Consultado em 09/01/2016.

Klaus Lochmann e Andreas Goeb. (2011). A unifying model for software quality. In Proceedings of the 8th international workshop on Software quality (WoSQ '11). ACM, New York, NY, USA, 3-10. DOI=http://dx.doi.org/10.1145/2024587.2024591.

Llewelyn, A.I. e Wickens, R.F., (1968). “The testing of computer software”, in P. Naur and B. Randell, eds., Software Engineering, Report on a conference sponsored by the NATO SCIENCE COMMITTEE, Garmisch, Germany, 7-11 October 1968. Scientific Affairs Division NATO, Brussels, Belgium, pp. 189-200.

Mariani, L., Pezzè, M., Riganelli, O., e Santoro, M. (2011). AutoBlackTest: a tool for automatic black-box testing. 2011 33rd International Conference on Software Engineering (ICSE), 1013–1015. doi:10.1145/1985793.1985979

Pressman, R. S. (2010). Software Engineering A Practitioner’s Approach. McGraw-Hill Education.

Sirohi, N., Parashar, A. (2013). Component Based System and Testing Techniques, 2(6), 2378–2383.

Suresh Thummalapenta, Saurabh Sinha, Nimit Singhania, e Satish Chandra (2012). Automating test automation. In Proceedings of the 34th International Conference on Software Engineering (ICSE '12). IEEE Press, Piscataway, NJ, USA, 881-891.

Tian, J. (2005). Software Quality Engineering Testing, Quality Assurance and Quantifiable Improvement.

Zeeshan Ali Rana, Shafay Shamail, e Mian Muhammad Awais. (2008). Towards a generic model for software quality prediction. In Proceedings of the 6th international workshop on Software quality (WoSQ '08). ACM, New York, NY, USA, 35-40.




DOI: http://dx.doi.org/10.18803/capsi.v16.245-250

Apontamentos

  • Não há apontamentos.